O Amor pela minha filha Luísa!

"Corajosa e Lutadora, tem uma grande necessidade de se sentir aprovada e de agradar a todos. Com estranhos é inibida, mas quando tem confiança é bastante comunicativa. Pode ser arisca e rebelde, mas apaixona-se com facilidade e esforça-se para ter uma relação estável e duradoura, apresentamos ao mundo a nossa filha Luísa".



Total de Visitas do Blog

quinta-feira, 21 de março de 2013

O clima mudou, a Virose chegou!

Olá mamãe e papais,

   Hoje vou falar de um assunto que preocupa todos nós, a Saúde dos nossos filhos. Eles estão crescendo a cada dia, se tornando crianças espertas, cheias de argumentos e reações. Querem sempre mais e mais, conquistar o impossível, fazer o que é proibido, enfim, querem dar boas vindas a este mundo que um dia nós  os trouxemos.

   Sou muito a favor da liberdade infantil, de deixar os nosso filhos serem independentes, amadurecidos, mas precisamos ficar atentos, principalmente, nas mudanças das estações do ano, porque ai que mora o perigo..a tão famosa virose, quando ela vem, vem com tudo para cima dos nossos pequenos e ai pronto, não dormimos mais, ficamos preocupados e com o coração apertado.
  Há alguns dias eu passei este drama com a minha pequena Luísa, acordou um dia bem dengosa, enjoadinha, reclamando de tudo, com dor na cabeça, sem fome...quando aferi a sua temperatura, para o meu desespero 39.3 de febre. Nossa...como é terrível ter a comprovação de que os nossos filhos não estão bem, e a minha primeira reação colocá-la nos meus braços e beijá-la como se assim tudo fosse ser transferido para mim. E é incrível, sempre que ela adoece eu adoeço em seguida. Outra reação que normalmente temos é que automedicar os nossos pequenos, pegamos a medicação que eles já tomaram, lemos a bula, e pronto! Temos a certeza que em 48 horas eles melhorarão e tudo voltará ao normal, mas nem sempre isso acontece, o quadro pode piorar e ai nos sentimos as piores mamães e papais do mundo.
  O melhor a fazer sempre que os nosso filhos tem quadros anormais, como febre, diarreias,  falta de apetite é levá-los ao médico e sabendo disso, quando a minha pequena acordou com estes sintomas, conforme relatei acima, corri e a levei ao médio e chegando lá, não para a minha surpresa, o diagnóstico do médico foi: Ela tem VIROSE. Nossa, confesso que não fiquei surpresa, porque tudo hoje em dia é culpa da tal da VIROSE.
  Enfim, não sou a favor de dar antibióticos para os nossos pequenos sempre, sabemos o quanto são medicações fortes, mas das últimas vezes que a nossa Luísa adoeceu, preferi fazer exame de sangue, urina e dar soro na veia, para ter certeza que ela ficaria forte, hidratada e livre dos antibióticos.


  Mesmo com todos os cuidados básicos que já temos com a saúde dos nossos filhos, com mudança de clima, contato com outras crianças, escola, piscina, as viroses, gripes, resfriados aparecem, e precisamos ser muito sábios e amorosos para cuidarmos de forma pró ativa e com muita responsabilidade deles.
  Cuidar é amar, mas muitas vezes é preciso sermos rigorosos, não deixando os nossos pequenos expostos á temperaturas baixas sem estarem devidamente vestidos ou mesmo deixá-los terem uma troca de temperatura repentina.