O Amor pela minha filha Luísa!

"Corajosa e Lutadora, tem uma grande necessidade de se sentir aprovada e de agradar a todos. Com estranhos é inibida, mas quando tem confiança é bastante comunicativa. Pode ser arisca e rebelde, mas apaixona-se com facilidade e esforça-se para ter uma relação estável e duradoura, apresentamos ao mundo a nossa filha Luísa".



Total de Visitas do Blog

terça-feira, 24 de maio de 2011

Natação para bebê, vamos fazer?

Olá mamães, o que vocês acham de colocar o seu bebê na natação?? É isso mesmo, a nossa pequena Luísa começou a sua aulinha de natação em grupo, e está se saindo muito bem! Apesar dela já fazer a sua aulinha particular na piscina de casa, achamos super importante para o seu desenvolvimento o convívio com outros coleguinhas, dividindo brincadeiras, sorrisos e muita farra na piscina. 


No primeiro dia de aula, ela como uma boa observadora que é, ficou só olhando ao seu redor, tentando entender aonde estava, o que iria acontecer, mas com calma entrou na água e foi interagindo com os coleguinhas. O legal de tudo isto é que nós mamães e papais interagimos com o nosso bebê também, acompanhando todo o processo de desenvolvimento deles na água, o convívio em grupo, além de nos exercitarmos e aprendermos várias musiquinhas e coreografias, eu adoro!


A didática adotada na aulinha da natação de Luísa é dividida em três momentos:

1 - Desenvolvimento, integração e alongamento, os quais são realizados fora da piscina com todos os coleguinhas da turminha. É um momento que julgo super válido, por permitir aos bebês uma interação entre eles nas brincadeiras, exercícios e durante a aulinha.
2 - Aulinha dentro da piscina, aonde acontece muitas atividades, estimulações, brincadeiras, músicas e os limites do bebê são superados a cada minuto.
3 - Massagem e relaxamento. É um momento aonde as mamães/papais retiram o seu bebê da piscina e com um óleo realizam a massagem no corpinho do bebê, o objetivo é relaxá-lo, esquentá-lo e deixá-lo bem tranquilo. A nossa Luísa, após a sua aulinha de natação dorme o restante do dia com uma carinha super tranquila e satisfeita.


Pesquisamos e optamos por colocar a nossa Luísa para fazer as aulinhas de natação uma vez por semana, desta maneira ela não se cansa muito e consegue ter 100% de desempenho, o que está sendo maravilhoso e já dando ótimos resultados, dentre eles:
  • Maior sociabilização.
  • Superação dos seus limites.
  • Aprendizagem e disciplina.
  • Relaxamento e tranquilidade.
  • Interação com a mamãe/papai.
É impressionante como a nossa filhota está cada dia mais animada, com o seu desenvolvimento só decolando, com muita energia para gastar e exigindo cada vez mais de nós. E acompanhar tudo isto de pertinho é estupendo!
Lembre-se que além de toda a estimulação que o bebê recebe durante as aulinhas de natação, ele aprenderá a ter a água como a sua grande amiga, mergulhando, nadando e se livrando de possíveis situações de risco dentro da água.
Até a próxima!

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Mamãe vai trabalhar e eu para onde vou?

Depois de 10 meses compartilhando integralmente momentos únicos e maravilhosos ao lado da nossa filhota Luísa, chegou a hora de voltar ao trabalho. Estou super otimista com o início da nossa pequena na creche, a qual já foi escolhida com muito carinho e cautela. E é inevitável que uma retrospectiva destes 10 meses seja feita com muito carinho e lembranças MARAVILHOSAS, e eu só tenho a agradecer a Deus, obrigada pelo melhor presente que eu pude receber, a nossa Luísa!


Tenho certeza que ela irá se divertir muito e fará muitos amiguinhos nesta sua nova fase, sem contar com o seu desenvolvimento, que irá ser cada dia mais surpreendente. A parte mais complicada é a falta que nós sentiremos uma da outra, afinal, aprontamos e nos divertimos muito durante este período, muitos passeios, encontros com as amigas, cinemartenas, novos desafios, emoções, conquistas, risadas, aprendizados, etc... Na verdade, acredito que ela se adapte logo, mas eu terei que trabalhar bastante para me ocupar e não senti  tanto a sua ausência.

Ao mesmo tempo que o sentimento de medo, incerteza e ansiedade tomam conta do meu coração, tenho a plena certeza que estamos fazendo a coisa certa, no momento certo, isto porque, sei que ela já está preparada para este novo desafio em sua vida, com novos amiguinhos, interagindo com pessoas diversas, se desenvolvendo e aprendendo cada dia mais.


Então vamos lá, afinal, criamos os nossos filhos para enfrentarem o mundo, que não é nada fácil, e acredito que este será a primeira de muitas etapas que a nossa filhota enfrentará.

Postarei como será o primeiro dia da nossa Luísa na creche e como se comportará. De agora em diante, ela ganhará a sua independência e construirá a sua própria história. Estaremos sempre ao seu lado e a sua espera para lhe darmos muitos beijos e apertos. Entendemos que é muito importante que ela aprenda a voar e siga o seu caminho com as suas próprias perninhas, assim como nós um dia fizemos. 

Até logo

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Vida de mãe, uma loucura de amor!

Caras mamães,  recebi esta mensagem de uma amiga minha, a Raquel, que também é mamãe e resolvi compartilhar com vocês, afinal, tenho certeza que todas nós nos identificamos com cada palavra abaixo, escrita com muita sabedoria. Beijos a todas!



Que vida louca levamos nós, mães modernas, mães do século 21, mães de filhos únicos, ou de muitos filhos que se tornam únicos pelo pouco tempo que conseguimos ter para cada um... Que vida louca temos nós, que acordamos ao raiar do dia e saímos para o trabalho delegando a outras, que em casa deixam seus filhos também, que sejam as mães que nossos pequenos não tem ...

Que vida louca temos nós que somos mães por telefone em tempo integral, que fazemos de nosso horário de almoço um momento para checar a lancheira, arrumar uniforme, fazer “Maria chiquinhas” e ter tempo de lembrar as antigas mães e mandar seu filho escovar os dentes...

Que vida corrida temos nós, cheia de horários marcados com momentos de ser mulher, mãe, amiga, esposa, profissional, namorada... somos muitas e as vezes não conseguimos ser tudo...

Vivemos uma rotina que rotina mesmo quase não tem , pois o dia é sempre um mistério para aquelas que tem filhos, afinal nunca sabemos se o dia que começou é o dia marcado para a dor de garganta chegar, ou para a prova surpresa de matemática, ou para briga com o amiguinho na escola, ou para pesquisa sobre o relevo que ele esqueceu de te avisar...

Sabemos apenas que vivemos assim....

Acordar... trocar de roupa para o trabalho, esperar pacientemente que sua secretária do lar não falte, olhar seu filho dormindo por mais alguns minutos e ter vontade de ficar com ele só por hoje um dia inteiro, sair de casa, despedir-se do filho e dar muitas ordens a empregada que a deixam perdida... ir para o trabalho, ser profissional, ser mulher moderna, ser guerreira, lutar pra vencer, fazer a diferença no mundo profissional...

Ligar ao longo do dia para marcar pediatra, fugir correndo do serviço para assistir a apresentação da escola no dia das mães, procurar alguém para buscar seu filho na escola porque hoje apareceu uma reunião e não tem como ir, e sempre acabar contando com a sua mãe para te fazer esse eterno favor...

Correr, preocupar-se, desdobrar-se vencer o dia, e ainda chegar em casa checar a tarefa, supervisionar o banho, fazer mil e uma perguntas sobre o dia de seu filho, sentir-se culpada por não ser mais presente, brincar, dar atenção, cantar uma música, ler uma história, assistir pela bilionésima vez o filminho da Disney e acabar adormecendo ali, na caminha de solteiro ou do lado do berço, cansada, mas realizada por ter sido por mais um dia MÃE...














quarta-feira, 11 de maio de 2011

Feira da Gestante e Bebê


Queridas mamães, segue abaixo o calendário da Feira da Gestante, Bebê e Criança, que está acontecendo do dia 10 a 15 de Maio de 2011, no Pavilhão do Parque da Cidade, em Brasília.

Para quem ainda não foi, vale muito a pena, pela variedade de roupinhas, brinquedos, decoração e novidades para o seu bebê e pesquisando um pouco, é possível encontrar preços super em conta. Fica a dica!

Calendário da Feira do Bebê - 2011
ENTRADA GRATUITA
Expo Brasília
de 10 a 15 de Maio de 2011
Terça a sexta das 14:00 ás 22:00
Sábado das 10:00 ás 22:00,
Domingo das 10:00 ás 20:00

Localização:
Expo Brasília
SRP / SUL Parque da Cidade
Brasília - DF

Cair e levantar, daqui para frente como será?

Ao mesmo tempo que vamos nos encantando com o desenvolvimento dos nossos bebês, também vamos nos preocupando cada dia mais, afinal, o que eles mais querem é descobrir o mundo com as próprias mãozinhas e pezinhos, e para isto é inevitável que ocorram tombos, atropeços, esbarrões.

A nossa pequena Luísa está exatamente nesta fase de descobrir que é capaz de engatinhar muito rápido, ficar em pé apoiada em um objeto ou até mesmo sem apoio algum, que consegue passar de um lado para outro do sofá se apoiando com as mãozinhas e pezinhos, até que a primeira de muitas quedas ocorrem. É a partir deste momento que se inicia um marco no desenvolvimento do seu bebê, aonde nós, mamães e papais somos os grandes responsáveis por dar forças para que ele se levante, não tenha medo de tentar enfrentar um novo desafio e acredite que pode fazer acontecer tudo o que tem vontade, basta querer.

Mas para que o nosso bebê possa se desenvolver no seu tempo, acredito que algumas ações são necessárias, dentre elas:
  • Aprender a cair, para que não se machuque e nem fique com receio de se levantar novamente.
  • Ter sempre alguém de sua confiança para que assim se arrisque e se desenvolva cada dia mais.
  • Evitar deixar o bebê o dia inteiro no cercadinho, assim ele conseguirá se desenvolver naturalmente.
  • Andadores adiantam o processoo de andar do bebê, logo não é muito indicado, se puder, faça um acompanhamento de perto e vá deixando com que ele se apoie no sofá, cadeiras, estantes, mas sempre de olhos bem abertos.
  • Vá educando o seu bebê desde cedo a não mexer em locais proíbidos ou pegar algo que não é permitido, acredite educação vem de berço mesmo.
  • Não mude os seus móveis de lugar, ensine o seu bebê aonde ele pode ir, se preciso, suba alguns materiais como os de limpeza, para evitar acidentes irreversíveis.
  • Deixe-o subir aonde quiser, mas tome cuidado com os locais com quinas, uma queda pode ser fatal para o seu bebê.
  • Sempre que o seu bebê cair, ajude-o a se levantar e mostre-o que ele conseguirá se tentar mais uma vez.
  • Deixe com que seu bebê entre em contato com a natureza, isto auxilia muito o seu desenvolvimento.
  • Comemore cada momento conquistado pelo seu bebê, isto o fara acreditar que pode mais e mais.
  • Incentive o seu bebê a se movimentar colocando um brinquedo longe para que ele busque.
  • Crie um ambiente seguro para que o seu bebê possa engatinhar e andar por toda a casa.
  • Tampe as tomadas, sempre.
  • Coloque um sapatinho emborrachado apropriado para que o seu bebê engatinhe e ande sem escorregar.
  • Brinque com o seu bebê, e viva cada momento intensamente.
Enfim, para mim esta fase está sendo a mais mágica da nossa pequena Luísa, uma explosão de energia e novidades, e poder acompanhar tudo isso de pertinho, é um previlégio para poucos.

domingo, 8 de maio de 2011

Ser mãe é tudo - PARABÉNS a todas as mamães!

Ser mãe é:
  • Amar
  • Respeitar
  • Aprender
  • Ensinar
  • Surpreender
  • Emocionar
  • Desejar
  • Sorrir
  • Falar
  • Passear
  • Encantar
  • Voar
  • Abençoar
  • Beijar
  • Realizar
  • ......

Enfim, ser mãe é tudo, porque fomos as escolhidas para cuidar do tesouro mais precioso das nossas vidas, o nosso filho!


PARABÉNS PELO NOSSO DIA, QUE É TODOS OS DIAS!

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Viajando outra vez!

Olá queridas mamães, vocês devem ter reparado que estivemos fora por alguns dias, e o motivo não podia ser outro, mais uma viagem com a nossa pequena Luísa. O destino foi novamente a casa da vovó Rô e do vovô Carlos, na Bahia, para matar um pouco mais da saudade!

A nossa pequena Luísa não mediu esforços e quis aproveitar cada minuto de sua viagem, afinal ela completou 9 meses e meio. Além de muita praia, ela foi ao shopping fazer umas comprinhas, tomar sorvete em umas das sorveterias mais famosas da cidade, conheceu a igreja do Senhor do Bonfim, comeu muito acarajé da Dinda a beira mar, e usou e abusou da sua simpatia, sorrindo e falando bastante bebenêz para quem quisesse ouvir.


Recebeu pela primeira vez a visita do coelhinho da Páscoa, que passou na casa dos vovôs e deixou muitos ovinhos de Páscoa. Foram dias maravilhosos, com muitos passeios divertidos, e desta vez com direito a engatinhar muito na areia e aprontar muito dentro do mar.

Para você mamãe e papai que estão se preparando para viajar com o seu bebê, segue algumas dicas que aprendi e que dão super certo, para tornar a sua viagem ainda mais gostosa:

  • Se for viajar de avião, um hora antes de embarcar, dê ao seu bebê um remedinho, indicado pelo pediatra, para que ele não sinta dor durante o vôo.
    • Se o seu bebê ainda estiver mamando, na decolagem e chegada do avião, ofereça o peito para ele, caso ele não mame mais, ofereça a chupeta ou a mamadeira, o importante é que o seu bebê esteja fazendo movimentos maxilares, assim , não sentirá pressão no ouvidinho.
    • Se ele estiver dormindo, não se preocupe, apenas coloque um dos seus dedos tampando o ouvidinho do seu bebê, para minimizar a pressão.
    • Durante a viagem leve um brinquedinho para distrair o seu bebê.
    • Sempre leve com você, o carrinho, o bebê conforto, e a mala de sair do seu bebê.
    • Se for viajar só você e o seu bebê, uma dica é no check-in despachar o carrinho, bebê conforto e entrar somente com o seu bebê no colo e uma bolsa de sair, sendo que nesta bolsa devem constar, remédios, leite, comidinha, roupas, fraldas, pomadas, lencinhos umedecidos para o seu bebê. Lembre-se que imprevistos podem ocorrer.
    • Se for viajar você, o bebê e o papai, despache apenas o bebê conforto no check-in, e leve o seu bebê no carrinho até a porta do avião, lá os comissários de bordo despacharão o carrinho, assim o seu bebê fica mais confortável e conseguirá tirar uma sonequinha.
  • Na praia a dica é sempre levar o carrinho do seu bebê, carregá-lo até a barraca em que for ficar e pronto, não precisa se preocupar, o seu bebê terá aonde comer, dormir, trocar de fralda e ficará mais protegido do sol.
  • Se for ao shopping, pode deixar o carrinho em casa e alugar um no fraldário, fica ao seu critério.
  • Para onde for, leve um biscoitinho, que o seu bebê possa comer, isto o deixará bem tranquilo durante um jantar demorado, por exemplo.
  • Lembre-se que os bebês gostam de ver novidade, então sempre dê para ele um objeto novo, com barulho diferente, que ele irá se divertir muito.
  • Uma dica para dar banho no seu bebê em um hotel, por exemplo, é comprar uma banheira de plástico, que se leva para praia, encher e colocar o seu bebê sentadinho, assim evitará que ele pegue alguma infecção ou escorregue.
  • Na praia, água de coco é sempre uma ótima opção para nutrir e hidratar o seu bebê.



Enfim, espero que estas dicas possam ajudar vocês na primeira ou na próxima viagem com o seu bebê...até mais!

segunda-feira, 2 de maio de 2011

9 meses e meio!

Nossa...o tempo não passa mais, ele voa. A nossa pequena Luísa já está com 9 meses e meio e com muitas novidades para contar a todos vocês.
O desenvolvimento dela passou de 1 para 1000 em menos de 1 mês, uma explosão de energia, atividades, descobertas. Pensem como estamos malucos para acompanhar cada detalhe atentamente e com participação ativa, uma loucura e a experiência mais emocionante e maravilhosa que poderíamos ter em toda a nossa vida.

E ela já se declarou independente para fazer algumas atividades sozinha, e temos que confessar que as faz muito bem, rs, como por exemplo:
  • Engatinhar pela casa toda e ir para onde quiser, na velocidade que desejar.
  • Abrir gavetas, armários e tirar todos os objetos que estiverem ao seu alcance do lugar.
  • Ficar em pé com ajuda dos móveis da casa, como o sofá, cadeiras, estantes.
  • Descer pequenos degraus.
  • Tomar mamadeira sozinha e com uma elegância única.
  • Acordar, se sentar e nos chamar (na sua linguagem bebenez) para a retirar do seu berço, praticamente com hora marcada..hehe.
  • Brincar na sua piscina de bolinhas se jogando e se levantando sem ajuda de ninguém.
  • Conversar com os seus brinquedinhos por horas.
  • Mostrar braveza se a retirarmos de uma atividade que ela mesmo criou.
  • Inclinar o corpinho e levantar os bracinhos para que a peguemos para passear, sempre que o carro para ou quando ela cansa de brincar no chão.
  • Pedir para beber água no copo sempre quando estamos bebendo.
  • Fazer charminho com o narizinho para nos cativar ainda mais.
Enfim, uma verdadeira mocinha que está nos impressionando a cada amanhecer. Agradeço muito a Deus por ter nos dado esta jóia rara, que faz de nós, mamãe e papai,  os seres mais felizes e babões deste mundo. Te amamos filha.

E você mamãe, como está se sentindo acompanhando o desenvolvimento do seu bebê? Compartilhe conosco a sua linda experiência.